Métricas de Inbound Marketing: como mensurar seus resultados

Métricas de Inbound Marketing: como mensurar seus resultados

Um dos grandes benefícios do Inbound Marketing é a possibilidade de mensurar resultados. Nessa estratégia, temos mais controle das ações. Podemos saber em tempo real quantas pessoas leram um artigo, abriram um e-mail ou fizeram o download de um material rico. Isso é possível porque a maior parte das ferramentas disponibiliza dados sobre o desempenho das ações. Com isso, pode-se monitorar sua performance e fazer ajustes quando necessário.

Mas, afinal, quais métricas e indicadores devemos mensurar para saber efetivamente o que está dando certo e o que não está proporcionando os resultados esperados? 

Para ajudar você a compreender o que deve ser analisado em sua estratégia de Inbound Marketing, preparamos este artigo. Continue a leitura e saiba mais!

Principais métricas e indicadores de Inbound Marketing

Saber quais as métricas incluir no monitoramento de resultados de sua estratégia inbound é essencial para constatar sua performance. Afinal, ninguém deseja investir em ações cujo desempenho não possa ser medido e que não proporcionem os resultados esperados.

Confira, agora, as principais métricas que você deve monitorar:

1. Visitantes

Ao executar uma estratégia de inbound marketing, o primeiro passo é atrair pessoas para o seu site ou blog. Portanto, é essencial que você acompanhe o número de visitas que ele está recebendo

Para isso, basta utilizar ferramentas de análise de dados, como o Google Analytics. Nele, além de observar quantas pessoas únicas visitaram o seu site, você pode conferir o número total de visitas, que é a quantidade de vezes em que ele foi acessado. Com esses dados em mãos, é possível identificar pontos de melhoria. 

Além de ajudar a compreender o desempenho de sua estratégia, essa métrica possibilita verificar quais temas ou autores geram mais visitas em seu blog. Com isso, você pode aperfeiçoar cada vez mais sua estratégia.

Uma forma de aumentar essa métrica é divulgar links para seus conteúdos em postagens nas redes sociais ou por e-mail, por exemplo. Também é fundamental investir em técnicas de SEO para que o seu site adquira uma posição melhor nos buscadores e seja encontrado com mais facilidade.

2. Taxa de conversão

Um dos principais objetivos em qualquer campanha de Inbound Marketing, a conversão corresponde a uma ação esperada, como o preenchimento de um formulário, a inscrição em uma newsletter ou o pedido de um orçamento. Por isso, a taxa de conversão é fundamental para identificar a qualidade das ofertas presentes em sua estratégia, bem como avaliar o resultado real das ações realizadas.

É interessante analisar essa métrica para identificar possíveis pontos de melhoria que possam elevar os resultados. Se, por exemplo, essa taxa estiver muito baixa em uma determinada landing page, você pode avaliar essa página, verificando se não há problemas nos formulários, no call to action ou em outros elementos.

3. Custo por lead (CPL)

Essa métrica consiste no total investido na estratégia dividido pelo número de leads gerados. Ela é fundamental para avaliar se os seus investimentos estão sendo bem empregados ou se é necessário fazer algum ajuste. Além disso, está diretamente relacionada ao ROI, métrica que veremos mais adiante.

É importante ter em mente que essa taxa varia conforme os canais utilizados para a captação de novos leads, como e-mails, anúncios e redes sociais. Por isso, também é interessante mensurá-la de acordo com a fonte de atração desses contatos.

Sabendo o custo dos leads gerados, você consegue entender quais estratégias são mais efetivas, fazer o controle de seus custos e manter o acompanhamento do número de leads conquistados. Se essa métrica não for mensurada corretamente, não será possível fundamentar a escolha de determinadas táticas ou ferramentas.

4. Lifetime value (LTV)

Você sabe quão rentável é um cliente para a sua empresa? O LTV, ou valor vitalício de um cliente, é quanto dinheiro ele vai gerar para você por todo o tempo em que for um comprador de suas soluções ou produtos. Seu intuito é analisar todos os seus consumidores, de modo geral, e achar o valor médio gasto e seu tempo de permanência. 

Sabendo disso, fica mais fácil estimar as vendas que um único cliente fará, o que ajuda a definir os recursos que devem ser alocados para a sua aquisição. Da mesma forma, torna-se possível fazer ajustes, tanto para aumentar esse valor quando para fazer com que o consumidor permaneça adquirindo suas soluções por mais tempo.

Para calcular, é simples: basta multiplicar o ticket médio das vendas pela média de compras de clientes únicos ao ano e dividir esse valor pelo tempo médio de retenção desses clientes (em anos).

  1. Custo de aquisição de clientes (CAC)

Essa taxa tem o intuito de indicar o custo de nutrir um lead a fim de que ele se torne um cliente. Envolve, portanto, todo o processo da estratégia, e não apenas uma etapa do funil de vendas.

Ela permite que você analise qual o investimento médio para a aquisição de um novo cliente. Com isso, você pode constatar se seus esforços em Inbound Marketing estão, de fato, valendo a pena.

Para calculá-la, é importante obter o máximo de dados possível sobre o seu processo de vendas e tudo o que ele abrange, como os pagamentos dos funcionários envolvidos, a aquisição de ferramentas, o valor investido em anúncios e todos os outros custos relacionados à conquista de novos clientes.

Seu cálculo deve ser feito dividindo o valor de tudo o que foi investido para adquirir um cliente pelo total de clientes adquiridos no período analisado.

É importante comparar essa taxa ao LTV. Isso porque, se ela for maior do que o lifetime value, significa que sua estratégia Inbound pode ter falhas que necessitam de ajustes para que sua empresa tenha lucratividade.

6. ROI (Return on Investment)

Essa é uma das métricas mais importantes para a sua estratégia de Inbound Marketing e é fundamental para verificar se ela foi efetiva e trouxe os resultados esperados.

Ela consiste no retorno obtido a partir dos investimentos realizados. Portanto, mostra se os seus recursos estão sendo investidos de uma maneira eficiente e contribuindo efetivamente para o alcance de seus objetivos. Também ajuda a conhecer a performance de suas ações e compreender quais delas estão sendo bem-sucedidas.

Para calculá-la, subtraia da receita gerada todos os investimentos feitos em sua estratégia de Inbound Marketing. Depois, divida o resultado por esses investimentos. Ao final, você pode multiplicar o número obtido por 100 para encontrar a porcentagem.

Cuidado com as métricas de vaidade

As métricas e indicadores são fundamentais para indicar se você está no caminho certo. No entanto, existem algumas que, embora devam ser monitoradas, não auxiliam na tomada de decisões ou no desenvolvimento de estratégias mais eficientes. Chamadas de métricas de vaidade, elas podem até fazer bem ao ego, mas não necessariamente se traduzem em novas oportunidades de negócio e lucro. 

Alguns exemplos são: likes no Facebook, curtidas no Instagram, seguidores e compartilhamentos. Embora sejam muito importantes, esses números, sem um objetivo definido por trás, não significam nada. Portanto, não servem para justificar a alocação de recursos em determinadas ações ou ferramentas, por exemplo.

Há muitas métricas e indicadores importantes para estratégias de Inbound Marketing. Mensurar resultados é fundamental para que você possa saber quais os próximos passos e o que pode ser melhorado. Se, de início, você verificar índices baixos, não desanime. Com os números obtidos, será possível fazer os ajustes necessários e ter resultados cada vez mais positivos.

O que achou de saber mais sobre as métricas de Inbound Marketing? Se desejar ler outros artigos que podem ser úteis para a sua estratégia, continue em nosso blog.

Vinicius Passos

CEO da Agência Poussée, empreendedor, formado em Publicidade e Propaganda e especialista em performance digital. Atuo há dez anos no desenvolvimento de estratégias de marketing e no gerenciamento de projetos para clientes com metas agressivas, gerando vendas e novas oportunidades de negócios.

Deixe uma resposta

Fechar Menu