Branding: o que não te contaram sobre a construção de uma marca forte
Branding

Branding: o que não te contaram sobre a construção de uma marca forte

Com mais de 2,5 milhões de empresas brasileiras criadas em 2018, conseguir se destacar perante a concorrência e criar laços duradouros com seu público se tornou um grande desafio. Já dizia Walter Lander: “Os produtos são criados na fábrica. As marcas são criadas na mente.” E como penetrar na mente do consumidor? Essa é a pergunta que muitos profissionais de marketing se fazem.

Vejo muitos CEOs dando pouca ou nenhuma importância ao branding de suas empresas. Eles investem em pessoas e estrutura, mas esquecem de algo fundamental: a gestão da marca.

Atuo na área criativa há pelo menos 8 anos e tive a grande oportunidade de desenvolver projetos para Apple, Submarino, Tivit, Ortobom, Roge, entre outras empresas de diversos setores, como: saúde, tecnologia e meio ambiente.

Toda essa bagagem me permitiu observar pontos que quero dividir com você para te ajudar a criar uma marca verdadeiramente forte, consistente, com personalidade e que as pessoas amem.

Mas antes de mergulharmos nessa caixa de descobertas, eu te pergunto: você sabe o que torna uma marca forte?

Marca de valor

Definir o nome, logo e cores da sua marca são apenas os primeiros passos rumo à construção de uma marca relevante. Vejo muitos empresários contratando designers para criar o símbolo que representará o seu negócio e logo penso: marca não é só isso!

Marcas são todos os elementos que, de alguma forma, entrarão em contato com seus clientes atuais ou potenciais, desde o seu logo até o tom de voz que seu vendedor usará ao falar com o seu público.

Por isso, construir uma marca consistente não é uma tarefa simples. Listo abaixo para você pontos que considero extremamente importantes na criação de uma marca forte.

1. Entenda profundamente, e não apenas de ouvir falar, seu público, concorrentes e proposta de valor

Imagine ofertar o lançamento do novo veículo da sua fábrica automotiva, por exemplo, para um jovem de 15 anos. Isso seria um tiro no escuro e queimaria seus esforços e verba em uma ação nada efetiva.

Por isso, é essencial conhecer seu público para segmentar corretamente suas campanhas e construir uma estratégia que de fato vá impactar a vida dos seus clientes atuais e potenciais.

E isso vale também para a sua concorrência: você precisa saber o que eles fazem, seus diferenciais, como se posicionam e interagem com o seu público. Não há como construir uma marca de valor se você não souber com quem vai competir.

Por último, mas não menos importante, você precisa ter clara a sua proposta de valor, ou seja, o maior benefício que seu cliente terá ao escolher a sua marca, e não a da concorrência. Uma proposta de valor bem definida serve como norte e argumento até mesmo para o time de vendas.

2. Crie uma identidade visual impactante e consistente

Depois que você conhece a fundo o seu mercado, é necessário criar a identidade do seu negócio. Isso engloba desde a criação do logo até os pictogramas que serão usados na sinalização da sua empresa e peças gráficas.

Ter bem definidos os grafismos, cores, tipografia, estilo fotográfico e todos os elementos visuais é essencial para criar uma unidade visual e presença em todos os pontos de contato com o seu público.

Não dá para manter na recepção da empresa o logo antigo da marca enquanto o site e as redes sociais estão super modernas, inclusive com a nova identidade da marca aplicada. Isso mata a imagem da sua marca.

Eu posso citar diversos exemplos desse tipo, como:

  • ir ao cliente com folder antigo;
  • enviar apresentação comercial ao potencial cliente com identidade que não reflete sua marca;
  • usar fotos de banco de imagem que não refletem a cultura e essência da marca.

Eu aprendi ao longo da minha carreira que marcas fortes são CONSISTENTES.

3. Defina a personalidade da sua marca como um ser humano

A sua marca é, faz e fala. Sim, ela tem voz, personalidade e essência. Aqui, eu poderia sugerir para você definir sozinho todos esses pontos. Mas se quiser, de fato, construir uma marca autêntica, você realmente precisará contar com uma empresa parceira que seja especialista em gestão de marca.

Um projeto de branding será capaz de ajudar a sua marca a atingir novos patamares de sucesso, aplicando uma estratégia que de fato ajude a posicioná-la de forma adequada no mercado. Com isso, será possível construir uma marca que as pessoas amem de verdade.

O que é branding?

Branding não é só:

  • marketing;
  • comunicação;
  • identidade visual.

Branding é a gestão da marca, desde a criação de todos os elementos visuais até as ações cotidianas de marketing. É todo o sistema que ajudará a sua marca ser percebida da forma que você deseja. Por isso, é tão importante investir em um brand book.

Um dos pontos que observei ao trabalhar com a Apple e o Submarino, por exemplo, é que eles não criam um brand book para ficar guardado na gaveta ou impresso na mesa do CEO. Pelo contrário: esse material rico é usado pelo time de marketing a fim de preservar a imagem e identidade da marca. Não há uma vírgula sequer fora dos padrões do manual da marca, e essa fidelidade é essencial para construir uma marca forte.

Veja o exemplo do Itaú: em seus comerciais, site ou na fatura que chega todos os meses em sua casa, a linguagem, identidade e tom de voz são sempre os mesmos, preservando o que eles têm de maior valor: sua marca.

Minhas considerações finais

Sua marca carrega todo o DNA do seu negócio. Por isso, não cometa o erro de deixar esse tema para depois. Investir em um projeto de branding, com uma empresa séria, é o que ajudará você a elevar o potencial de crescimento de sua marca e fortalecer a sua imagem.

Pense nisso!

Suzana Chiodo

Co-founder da Agência Poussée, empreendedora, formada em Publicidade e Propaganda, especialista em branding e construção de marcas. Criei a Poussée para ajudar marcas a alinharem seu negócio e comunicação a partir do propósito. Meu objetivo é provocar a transformação de negócios e impactar em seu crescimento de forma humana, responsável e totalmente focada em performance.

Deixe uma resposta

Fechar Menu